Pesquisar

terça-feira, 14 de julho de 2015

O EVANGELHO DA GRAÇA

[...] contanto que cumpra com alegria a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus” (At 20.24).




 Objetivos da Lição nr. 2. – EBD/CPAD 3º Trimestre 2015

I. Mostrar porque as falsas doutrinas corrompem o   evangelho da graça.
II. Conscientizar-se de que a graça superabundou com a fé e o amor.
III. Compreender o significado do bom combate.

 PONTO DE INTERAÇÃO
       Paulo foi escolhido e enviado pelo Senhor para anunciar e ensinar o verdadeiro significado da graça. No Antigo Testamento apenas Israel era o povo eleito de Deus. Porém, como prova do seu amor altruísta, Deus enviou seu filho Jesus Cristo para morrer na cruz por toda a humanidade. Jesus veio trazer salvação a todos. Em Cristo não há judeu, gentio, servo, livre, homem ou mulher (Gl 3.28). O evangelho da graça, diferente do judaísmo, não exclui ninguém. Todos são alvos do favor de Deus. 
       A transição do  Judaísmo ao Cristianismo...

OS SACRIFÍCIOS PELOS PECADOS
       Os sacrifícios serviam para tirar o pecado e a culpa por ele deixada. As expressões “tirar pecados” e “tirar a culpa do pecado cometido” aparecem dezenas de vezes em Levítico e em Números. Esta última tem alguns sinônimos significativos: “Conseguir o perdão”, “ficar livre da culpa” ou “pagar a dívida” (Lv 4–6).
       Os sacrifícios serviam para tirar o pecado e a culpa por ele deixada. As expressões “tirar pecados” e “tirar a culpa do pecado cometido” aparecem dezenas de vezes em Levítico e em Números. Esta última tem alguns sinônimos significativos: “Conseguir o perdão”, “ficar livre da culpa” ou “pagar a dívida” (Lv 4–6).

O SENSO DE JUSTIÇA NO CULTO MOSAICO
1.Ninguém seria dispensado do sacrifício. Os ricos teriam de oferecer um bovino de grande porte; os de classe média, um caprino de pequeno porte; os pobres, duas aves: rolas ou pombos; e os que estivessem abaixo da linha de pobreza, apenas um quilo da melhor farinha (Lv 5.7-13).
2.Mais tarde – João aponta para Jesus, o agnus dei, o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. Jo 1.29

DEUS AMA O PECADOR? Em nossa linguagem humana Ele amou (Jo 3.16;Ef 2.4-5). Não ama ao pecador enquanto permanecer no pecado.  Sob aspectos da eterna redenção, Deus o ama com proposta de salvação, mediante arrependimento. Para Deus, não há passado, nem futuro, está sempre no presente, bem como na eternidade.
1.Deus é benigno até com ingratos e maus. Lc 6.35
2.Deus não ouve a pecadores.
       Jo 9.31 - Ora, nós sabemos que Deus não ouve a pecadores; mas, se alguém é temente a Deus, e faz a sua vontade, a esse ouve.
3. Pv  21.4 -   Os olhos altivos, o coração orgulhoso e a lavoura dos ímpios é pecado.
4. Pv 28.9 -  O que desvia os seus ouvidos de ouvir a lei, até a sua oração será abominável.
5. O processo do perdão começa com a consciência do pecado:
       Sl 86.5 -  Pois tu, Senhor, és bom, e pronto a perdoar, e abundante em benignidade para todos os que te invocam.
       Is 55.7 -  Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao SENHOR, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar.
6.Arrependimento –  Mt 3.1-2;Mc 1.4; Lc 13.1-5
7.Confissão e abandono do pecado. Pv 28.13; AP 21.8
8.Onde abundou o pecado, superabundou a graça...Rm 5.20

A ALMA QUE PECAR, ESSA MORRERÁ...
Ez 18.20-24 -  A alma que pecar, essa morrerá; o filho não levará a iniquidade do pai, nem o pai levará a iniquidade do filho. A justiça do justo ficará sobre ele e a impiedade do ímpio cairá sobre ele.
       21 Mas se o ímpio se converter de todos os pecados que cometeu, e guardar todos os meus estatutos, e proceder com retidão e justiça, certamente viverá; não morrerá.
       22 De todas as transgressões que cometeu não haverá lembrança contra ele; pela justiça que praticou viverá.
       23 Desejaria eu, de qualquer maneira, a morte do ímpio? diz o Senhor DEUS; Não desejo antes que se converta dos seus caminhos, e viva?
       24 Mas, desviando-se o justo da sua justiça, e cometendo a iniquidade, fazendo conforme todas as abominações que faz o ímpio, porventura viverá? De todas as justiças que tiver feito não se fará memória; na sua transgressão com que transgrediu, e no seu pecado com que pecou, neles morrerá.
       Ez 33.11 -  Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor DEUS, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois, por que razão morrereis, ó casa de Israel?

PARA REFLETIR...
O que disse Gandhi sobre religião: “As religiões são caminhos diferentes convergindo para o mesmo ponto.  Que importância faz se seguimos por caminhos diferentes, desde que alcancemos o mesmo objetivo”.
       O que disse Jesus:  “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim. Jo.14.6
       A Religião aprisiona. Jesus Liberta.

DEUS AMA O PECADOR?
       Sl 5.4-6 - Porque tu não és um Deus que tenha prazer na iniqüidade, nem contigo habitará o mal. Os loucos não pararão à tua vista; odeias a todos os que praticam a maldade. Destruirás aqueles que falam a mentira; o SENHOR aborrecerá o homem sanguinário e fraudulento.
       Sl 11.4-7 - O SENHOR está no seu santo templo, o trono do SENHOR está nos céus; os seus olhos estão atentos, e as suas pálpebras provam os filhos dos homens. O SENHOR prova o justo; porém ao ímpio e ao que ama a violência odeia a sua alma. Sobre os ímpios fará chover laços, fogo, enxofre e vento tempestuoso; isto será a porção do seu copo. Porque o SENHOR é justo, e ama a justiça; o seu rosto olha para os retos.
       Pv 3.32-33 - Porque o perverso é abominável ao SENHOR, mas com os sinceros ele tem intimidade.  A maldição do SENHOR habita na casa do ímpio, mas a habitação dos justos abençoará.
       Pv 6.16-19 -  Estas seis coisas o SENHOR odeia, e a sétima a sua alma abomina:
       17 Olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente,
       18 O coração que maquina pensamentos perversos, pés que se apressam a correr para o mal,
       19 A testemunha falsa que profere mentiras, e o que semeia contendas entre irmãos.
       Pv 3.32-33 - Porque o perverso é abominável ao SENHOR, mas com os sinceros ele tem intimidade.  A maldição do SENHOR habita na casa do ímpio, mas a habitação dos justos abençoará.
       Pv 6.16-19 -  Estas seis coisas o SENHOR odeia, e a sétima a sua alma abomina:
       17 Olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente,
       18 O coração que maquina pensamentos perversos, pés que se apressam a correr para o mal,
       19 A testemunha falsa que profere mentiras, e o que semeia contendas entre irmãos.


A DOUTRINA DO PECADO (HAMARTIOLOGIA)
1 – Originou-se em Satanás.(Is 14.12-14).
2 – Entrou no mundo por Adão.( Rm 5.12).
3 -  Foi e é universal, com a única exceção de Cristo.(Rm 3.23; I Pd 2.22).
4 – Incorre em penalidade da morte espiritual, física e condenação eterna.(Gn 2.17; 3.19; Ez 18.4,20; Rm 6.23
5 - É não tem remédio, a não ser  na morte sacrificial de Cristo. (At 4.12; Hb 9.26

PECADO - RESUMIDO EM TRÊS ASPECTOS.
1. Um ato - a violação, ou falta  de obediência  para com a vontade de Deus.
2. Um estado - ausência de justiça e pureza.
3 .Uma natureza -  inimizade contra Deus, impede  o homem de se relacionar com Deus.

SIGNIFICADOS DE PECADO
1 – Transgressão – infração da lei, limite divino entre o bem e o mal(Sl 51.1;Rm 2.23).
2 – Iniquidade – Um ato inerentemente errado, quer expressamente proibido ou não.(Rm 1.21-23).
3 -  Erro – um afastamento do bem.(Rm 1.18;  I Jo 3.4).
4 – Errar o alvo – Um fracasso em atingir o padrão divino. (Rm 3.23).
5 – Delito – Invasão da vontade própria na esfera da autoridade divina.(Ef 2.1).
6 – Rebeldia – anarquia espiritual( I Tm 1.9).
7 – Incredulidade – Um insulto à veracidade divina. ( Jo 16.9).

O PECADO IMPUTADO
A) Significado: O resultado da participação de cada homem no pecado original de Adão.
B) Texto-chave:  Romanos 5.12 – Toda a humanidade estava em Adão, participando de seu pecado e assumindo a culpa resultante dele.
C) Transmissão do pecado imputado:  Transmitido diretamente de Adão a cada membro da raça.
D) Penalidade:  Morte física.
E) Remédio: A Justiça imputada de Cristo (2Co 5.21).

REFLEXÃO...
Pr. Batista , Glênio Fonseca Paranaguá, disse:
“A cruz é o instrumento cirúrgico que, amputando o pecado do ímpio e imputando a justiça do santo, restaura a glória perdida com o pecado.”

É IMPOSSÍVEL AO HOMEM
       No tocante a salvação, há um abismo profundo entre Deus e o homem, que somente pela graça redentora, a qual só se encontra no Cristo, e este crucificado e ressuscitado, e sem ele não há esperança de salvação para a alma humana...

Blaise Pascal(1623-1662)
       O filósofo Pascal afirmou: “O homem é um amontoado de misérias e de grandezas.  Um rei sem trono, mas sempre rei. O homem é um complexo do bem e do mal, digno, ao mesmo tempo de respeito e de desprezo.”

É IMPOSSÍVEL AO HOMEM
I – Ser salvo, sem nascer de novo. Jo 3.5-7; Ef 2.5; II Co 5.17
II – Ser redimido sem o sangue de Jesus. I Jo 1.7-9; Hb 9.22
III – Converter-se depois da morte. Lc 16.26;Hb 9.27; Is 55.6
IV – Agradar a Deus sem fé. Jo 16.9; Hb 11.6
V – Escapar do juízo vindouro. Hb 2.2-3;Jd Vv 4-7; At 17.3l
VI – Salvar-se de outro modo a não ser por Jesus Cristo.

A GRAÇA DE DEUS
q  O que dizem os teólogos sobre a Graça de Deus:
a) Ela é preveniente - antecede a decisão e o esforço humanos;
b) Eficaz - o que Deus propõe e cumpre não falha;
c) Irresistível - o chamado é tal que o favorecido não consegue fazer-se de surdo. É discutível.
d) Suficiente - ela pode salvar perfeitamente os que se aproximam de Deus por meio de Cristo.
ü  Porém, todos são obrigados a acreditar e a proclamar que a graça não é de graça.

O EVANGELHO DA GRAÇA
  1. Consiste em uma promessa de liberdade, pela  verdade.
  2. Evidencia a impossibilidade de salvação do homem, diante de um Deus santo, e aponta o que redime e salva.
  3. Enfatiza o que Deus fez para trazer de volta o homem, à comunhão com Ele.
  4. O ser humano, em qualquer época, cultura ou lugar, está preso entre sua pecaminosidade e a santidade de Deus.
  5. O Homem é absolutamente pecador e Deus é absolutamente santo.
  6. Portanto, dependemos exclusivamente da graça de Deus para ter comunhão com ele, se livrar do pecado, conseguir perdão e a dívida riscada plenamente... Jo 1.29
CARACTERÍSTICAS DOS DEUSES PAGÃOS
INJUSTOS. Requeriam e aceitavam sacrifícios humanos, como a Moloque.
MUTÁVEIS.
IRACUNDOS. O altar ao deus desconhecido em Atenas, era por medo da ira dos deuses.
VINGATIVOS.
E PODRIDÃO MÓRBIDA. Eram adorados em festas com prostituição e bacanais.

       A GRAÇA NÃO É DE GRAÇA
  1. A remoção do pecado e da culpa não é feita de qualquer modo.
  2. A tese multissecular é que “não havendo derramamento de sangue não há perdão de pecados” (Hb 9.22, NTLH).
3. A graça, definida pelo teólogo Gerson Luís   Linden como o “favor imerecido de Deus manifestado àqueles que mereciam apenas condenação”.

A GRAÇA BARATA
Para Dietrich Bonhoeffer, pastor e teólogo da Igreja Luterana da Alemanha.
a) "A graça barata é a pregação do perdão sem arrependimento, é o batismo sem a disciplina de uma congregação, é a Ceia do Senhor sem confissão dos pecados, é a absolvição sem confissão pessoal. A graça barata é a graça sem discipulado, a graça sem a cruz, a graça sem Jesus Cristo vivo, encarnado”.
b) Uma fé que não toca a alma nem a consciência, um cristianismo sem Cristo e sem cruz é uma fé estéril, inútil e vazia porque, ao final, não é sustentável. A isto Bonhoeffer chamou de “a graça barata”.

O CUSTO DA REDENÇÃO
I Pd 1.18-19 – “Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que por tradição recebestes dos vossos pais, Mas com o precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado.”

AGNUS DEI – CORDEIRO DE DEUS
Ap 5.8-9 – “E, havendo tomado o livro, os quatro animais e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro, tendo todos eles harpas e salvas de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos. E cantavam um novo cântico, dizendo: Digno és de tomar o livro, e de abrir os seus selos; porque foste morto, e com o teu sangue compraste para Deus homens de toda a tribo, e língua, e povo, e nação.”

O CORDEIRO DE DEUS EM APOCALIPSE
Ap 7.10 - “A salvação pertence ao nosso Deus, que se assenta no trono, e ao Cordeiro.
Ap 7.14....aos que estão vestidos de branco, são aqueles que lavaram seus vestes  e as alvejaram no sangue do Cordeiro
Ap 15.2 – fala do “cântico do Cordeiro.”
Ap 17.14 – “na vitória do Cordeiro.”
Ap 19.7,9 – “E nas Bodas do Cordeiro”.
Ap 21.17 – “Na Nova Jerusalém entrarão unicamente os que estiverem escritos no livro da Vida do Cordeiro”. 

John Wesley afirmou:”A conversão tira o cristão do mundo. A santificação o mundo do cristão”.

HERESIOLOGIA – ESTUDO DAS HERESIAS
    Heresia deriva da palavra háiresis e significa: escolha, seleção, preferência. Daí surgiu a palavra seita (latim secta – doutrina ou sistema que diverge da opinião geral e é seguido por muitos).
     Do ponto de vista cristão, heresia é o ato de um indivíduo ou de um grupo afastar-se do ensino da Palavra de Deus e adotar e divulgar suas próprias ideias, ou as ideias de outrem, em matéria de religião.

O UNIVERSALISMO CRISTÃO (RECONCILIAÇÃO UNIVERSAL)
1.Existe um Deus cuja natureza  é o amor. E não age independentemente de seu amor.
2.Não existe punição eterna para o pecado. Dizem que Deus finalmente restaurará toda a família humana à santidade e à alegria
3.O princípio da justiça divina é subjugado pelo seu amor.  O credo de 1878 afirma; “A justiça de Deus nasce do amor e é limitado pelo amor”
4.Pregam a reconciliação é obtida sem a necessidade de exercerem a fé.
5.Não existe julgamento futuro.  É contrário ao seu amor.  Deus se submete aos humanos e os humanos se submetem a Deus em um circulo de relacionamento.
6.Todos são igualmente filhos de Deus e amados por ele.
7.A instituição igreja é rejeitada como sendo diabólica, afirmam as igrejas evangélicas são um obstáculo ao universalismo.
8.O amor é o atributo supremo de Deus e se sobrepõe aos demais. Para os universalistas seu amor vai além das sepulturas  para salvar todos aqueles que recusaram a Cristo durante o tempo em que viveram . Conforme essa ideia, mesmo os anjos caídos e o próprio Diabo, um dia se arrependerão, serão libertos do inferno e entrarão no céu.

PARA REFLETIR:
       “A vida má não causa grande dano a não ser a si mesma, mas o ensinamento errado é o maior mal neste mundo, porque leva multidões de almas ao inferno. Não estou preocupado se és bom ou mau, mas eu atacarei teu ensinamento venenoso e mentiroso que contradiz a palavra de Deus.” - Martinho Lutero

IDENTIFICANDO UM MOVIMENTO HERÉTICO
q  Observar  o que se  prega sobre os seguintes assuntos:
1) a Bíblia Sagrada;
2) a Pessoa de Deus;
3) a queda do homem e o pecado;
4) a Pessoa e a obra de Cristo;
5) a salvação; e
6) o porvir.

ARREPENDIMENTO NÃO É OPÇÃO. É ORDEM.
Provérbios 28.13 - O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia.
Atos 17.30-31 - Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, e em todo o lugar, que se arrependam; Porquanto tem determinado um dia em que com justiça há de julgar o mundo, por meio do homem que destinou; e disso deu certeza a todos, ressuscitando-o dentre os mortos.

JUÍZO DO GRANDE TRONO BRANCO
Ap 20.11-15 - E vi um grande trono branco, e o que estava assentado sobre ele, de cuja presença fugiu a terra e o céu; e não se achou lugar para eles.
12 - E vi os mortos, grandes e pequenos, que estavam diante de Deus, e abriram-se os livros; e abriu-se outro livro, que é o da vida. E os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras.
13  - E deu o mar os mortos que nele havia; e a morte e o inferno deram os mortos que neles havia; e foram julgados cada um segundo as suas obras.
14 - E a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte.
15  - E aquele que não foi achado escrito no livro da vida foi lançado no lago de fogo.

O QUE O HOMEM PRECISA FAZER COM O EVANGELHO?
1. Ouvir. Lc 10.16;Rm 10.17
2.Crer. Mc 16.15-16
3.Aceitar/receber.  I Tm 1.15;Is 53.1
4.Obedecer. Jo 14.15
5.Permanecer. I Co 15.1
6.Pregar/anunciar o Evangelho. Mc 16.15-16

CONCLUSÃO
1.Que a salvação é pela graça disso sabemos. Agora, não é de graça. Teve um alto preço. I Pd 1.18-19.
2. “Calar diante do erro é contribuir para o seu avanço.” - Israel Belo de Azevedo.
3. Pregue a Palavra, com amor...Combata as heresias....é o bom combate da fé cristã.
4. A diferença no campo da fé é a base, se frágil ou sólida, na qual depositamos nossas crenças...Pense nisso.
FONTES BIBLIOGRÁFICAS:
     Bíblia Sagrada.
      Lição EBD/CPAD – 3º trimestre/2015
      Revista Ultimato – maio/junho 2009
     Internet
     Enciclopédia Temática – Pr. Gesiel Gomes
     Organizador – Samuel Borges com adendos.


Aula ministrada na EBD em ADCANDEL, 12/07/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

INCLUIR COMENTÁRIO!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...